Informe aqui

Inclusão Digital: Acer dá dicas para garantir melhor experiência online para idosos

É importante estar atento às ameaças virtuais e explorar as tecnologias de acessibilidade para garantir a melhor experiência no meio digital

A pandemia transformou o dia a dia de todos. No Brasil, nos últimos oito meses, pessoas de todos os perfis precisaram se adaptar a novas formas de seguir com suas atividades rotineiras, migrando seus afazeres para o digital. Para os idosos, o impacto dessas mudanças foi ainda maior, já que, além dos impactos da pandemia, muitos também precisaram se naturalizar com a conectividade.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, há mais de 30 milhões de pessoas com 60 anos ou mais no País. Apesar de representarem uma parcela bastante considerável da população, muitos deles não passaram pela inclusão digital e precisaram, às pressas, mergulhar nos equipamentos de informática e gadgets para continuar suas atividades em meio à Covid-19.

Além de servir como alternativa para as tarefas diárias, a Internet pode ser uma grande aliada a saúde mental dos idosos. Uma pesquisa da Universidade de Michigan revelou que o uso da tecnologia diminui em até 30% as chances de desenvolverem quadros de depressão.

Para auxiliar os brasileiros com mais de 60 anos nesta jornada rumo ao digital, a Acer preparou algumas dicas para garantir a melhor experiência online

Equipamentos corretos
Definir os dispositivos corretos para estar conectado de forma segura e confortável para os idosos pode ser um desafio. O ideal é pensar em um produto que atenda às necessidades do usuário em termos de potência e, além disso, também seja de fácil uso e possibilite adaptações para garantir uma visualização confortável e melhor aproveitamento do conteúdo. Uma ótima opção, neste caso, é o investimento em um equipamento complementar ao notebook, como, por exemplo, um monitor. Existem modelos com tela ampla, inclinável e touchscreen, como o UT241Y da Acer, ideal para aprimorar a experiência online dos idosos. O dispositivo possui 23.8”, resolução Full HD e painel IPS, que oferece qualidade, nitidez e contraste para quem precisa de conforto para seguir com as suas atividades online com melhor visualização, já que a tela do monitor costuma ser maior que a do notebook. Sua tela touch de 10 pontos torna a navegação por páginas na web, a visualização de fotos e os jogos mais divertidos e intuitivos. Além disso, também possui design ZeroFrame e é equipado com as tecnologias Acer BluelightShield e Flicker-Less para garantir melhor usabilidade e evitar fadiga ocular e desconforto.

Também é importante se atentar a essas características na hora de escolher o dispositivo principal. O notebook Acer Aspire 5 (A515-54-587L) é um ótimo exemplo, já que possui características muito úteis: processadores Core i5 de 10ª geração, a tecnologia mais atualizada do mercado; armazenamento SSD de 256 GB, que permite leitura dos dados de forma digital e resulta numa resposta muito mais rápida para o uso no dia a dia; tela de 15.6” com resolução HD, que proporciona maior conforto e nitidez na visibilidade e, teclado numérico dedicado, ferramenta que transforma a eficiência das atividades diárias.

Ferramentas de acessibilidade
Outra dica bastante importante é usar e abusar das ferramentas de acessibilidade disponíveis nos smartphones, notebooks e PCs. Com elas, é possível aumentar o tamanho das letras e aumentar o contraste dos textos, tornando a visualização do conteúdo mais confortável e acessível; e, até controlar a maioria das funcionalidades do equipamento por meio do controle por voz de assistentes virtuais, como a Cortana, disponível na maioria dos dispositivos Windows.

Atenção com a segurança online
Nada melhor para aprender a se virar sozinho no universo online do que fazer sua própria pesquisa, utilizando os dispositivos de forma intuitiva. Apesar disso, também é essencial estar sempre atento para não se tornar uma vítima dos crimes virtuais. Para preveni-los é preciso garantir que os dispositivos estejam sempre atualizados e com aplicações de antivírus em dia; evitar o compartilhamento de senhas e dados pessoais; sempre checar informações antes de compartilhar; e tomar cuidado para não clicar em links de sites e e-mails com remetentes desconhecidos.

Peça ajuda sempre que precisar
Após todos esses pontos, talvez, a dica mais importante para os idosos que estão se aventurando pela primeira vez neste universo desconhecido da conectividade é: não ter receio de pedir ajuda.

Ninguém conhece sobre todos os assuntos, menos ainda sobre a tecnologia em constante transformação. É normal que surjam dúvidas durante o uso da internet, instalação de programas e equipamentos e, nestes momentos, pedir ajuda aos familiares, amigos ou técnicos de informática pode evitar grandes problemas e preocupações.

Aproveite os benefícios da Internet
Principalmente em meio à pandemia, o universo digital pode ser um enorme aliado dos idosos. Desde garantir que atividades rotineiras como compras e pagamentos continuem em dia, também é possível encontrar, online, diversas formas de entretenimento para distrair e melhorar a qualidade de vida de quem deve ficar em distanciamento social, como filmes, seriados, jogos e cursos. Por meio da internet, também é possível se reunir virtualmente e manter a proximidade de pessoas queridas que estão longe. Aproveite!

Seriço
https://br-store.acer.com/

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos