Mercado

HP compra a HyperX por US$ 425 mi

Objetivo é entrar com força no mercado global de periféricos para games, segmento que a HyperX se destaca

A HP anunciou nesta quarta-feira (24/2) um acordo definitivo para adquirir a HyperX, a divisão de jogos da Kingston Technology. A aquisição apoia a estratégia da HP de impulsionar o crescimento em seus negócios de sistemas pessoais, em que jogos e periféricos são segmentos atraentes. O portfólio de produtos da HyperX abrange uma variedade de periféricos de jogos, incluindo headsets, teclados, mouses, mouse pads, microfones USB e acessórios de console.

De acordo com os termos do contrato, a HP pagará US$ 425 milhões, sujeito ao capital de giro habitual e outros ajustes, para adquirir o portfólio de periféricos de jogos da HyperX. A Kingston manterá os produtos DRAM, flash e SSD para jogadores e entusiastas. Espera-se que a aquisição seja cumulativa em uma base não-GAAP para a HP no primeiro ano completo após o fechamento. A transação deverá ser concluída no segundo trimestre de 2021, dependendo da revisão regulatória e de outras condições habituais de fechamento.

Adicionar HyperX ao ecossistema de jogos mais amplo da HP fornecerá novas experiências inovadoras em tudo que os jogadores veem, ouvem e tocam

“O HyperX é um dos principais players em periféricos, cuja tecnologia tem a confiança de jogadores de todo o mundo e estamos entusiasmados em dar as boas-vindas a sua equipe excepcional para a família HP”, disse Enrique Lores, presidente e CEO da HP. “Continuamos a aprimorar nossa liderança em sistemas pessoais, modernizando experiências de computação e expandindo para adjacências valiosas. Vemos oportunidades significativas no grande e crescente mercado de periféricos, e a adição do HyperX ao nosso portfólio irá gerar novas fontes de inovação e crescimento para o nosso negócio”, completou.

Segundo a HP, os games para PC continuam a ser uma das formas mais populares de jogos de vídeo, com a indústria de hardware de PC estimada em US$ 70 bilhões em 2023.  O mercado global de periféricos deve crescer para US$ 12,2 bilhões até 2024, com os periféricos para jogos representando uma parcela considerável desse crescimento.

“Os produtos HyperX são projetados para atender às demandas mais rigorosas de todos os jogadores – do casual ao mais hardcore – dando-lhes uma vantagem vencedora e ajudando-os a permanecer no topo de seu jogo”, disse John Tu, cofundador e CEO da Kingston. “Ambas as empresas prosperam porque nos concentramos em nossos funcionários e compartilhamos os mesmos valores fundamentais e cultura. David Sun, cofundador e COO, e eu vimos as possibilidades para o negócio HyperX e seus funcionários e ambos percebemos que essa mudança traz um futuro melhor para o HyperX”, contou.

A HP construiu um grande e crescente portfólio global de jogos nos últimos anos, liderado por sua marca OMEN e um ecossistema de classe mundial de hardware, software, conteúdo e serviços. A empresa continua a impulsionar a progressão nos jogos com dispositivos poderosos, como o laptop para jogos OMEN 15 e o laptop HP Pavilion Gaming 16. Além dos dispositivos, a HP está impulsionando a inovação de software com OMEN Gaming Hub, um destino para os jogadores se conectarem, personalizar e explorar seus equipamentos e jogos. Adicionar HyperX ao ecossistema de jogos mais amplo da HP fornecerá novas experiências inovadoras em tudo que os jogadores veem, ouvem e tocam.

Serviço
www.hp.com

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos