Informe aqui

Fintech lança programa de parceiros comerciais focado no mercado de crédito

Objetivo é construir pontes com empresas que queiram levar a transformação digital para o mercado de capitais

A Grafeno criou um programa para atrair parceiros de negócios com o objetivo de ganhar capilaridade comercial. Segundo o CEO e fundador da empresa, Paulo David, existe um ecossistema de parceiros de tecnologia e de serviços especializados que também atua no ciclo de crédito. “O foco é construir pontes com empresas que queiram levar transformação digital para o mercado de capitais. Nosso objetivo é nos aproximar de empresas que tenham capacidade de geração de negócio neste segmento, e que percebam valor em ofertar essa infraestrutura bancária para a sua carteira de clientes”, ressalta o executivo.

Com nossa plataforma, é possível emitir em poucos minutos uma CCB, instrumento que possibilita às empresas dar crédito de forma segura, fácil e ágil, aos clientes

Com o novo programa de parcerias, as empresas poderão se beneficiar da sinergia comercial, oferecendo serviços financeiros para sua base existente de clientes e ganhando mais receita recorrente com isso. “Por meio da geração de nova receita recorrente e previsível, os parceiros da Grafeno poderão ter receita mensal, além de experimentar um posicionamento inovador, em que o parceiro pode oferecer infraestrutura bancária segura, sem precisar ser um banco”, explica Paulo.

A fintech é detentora de uma solução única que inclui contas digitais para empresas, com módulo de gestão de recebíveis e emissão de ativos. Fundada em 2019, a Grafeno já trabalha com os principais credores do mercado de capitais e possui um processo de abertura de contas totalmente digital. “Com nossa plataforma, é possível emitir em poucos minutos uma CCB, instrumento que possibilita às empresas dar crédito de forma segura, fácil e ágil, aos clientes. O Internet Banking possui funcionalidades avançadas (como ferramenta de cobrança, protesto online e emissão de boletos por API), que são compatíveis com a necessidade de empresas médias, e que não costumam ser encontradas nas contas PJ de bancos digitais, por exemplo”, destaca David.

Serviço
grafeno.digital

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos