Mercado

FH registra crescimento em implementação do SAP S/4 Hana

Posicionamento da empresa aponta para a aceleração da Transformação Digital, integração da cadeia produtiva e elevação do portfólio. Dos 29 parceiros da SAP avaliados no estudo, seis são líderes e duas são estrelas em ascensão, como a FH

A FH, empresa de tecnologia especializada em processos de negócios e software, destacou-se no relatório da ISG Provider Lens – “SAP Hana and Leonardo Ecosystem Partners – Brazil 2020”, prestigiado levantamento do universo de tecnologias SAP, ocupando a liderança de mercado em dois quadrantes: SAP S/4 Hana System Transformation – Midmarket e Managed Application Services for SAP ERP. Outro grande destaque da FH foi sua posição de Rising Star no quadrante SAP S/4 Hana System Transformation – Large Accounts.

A pesquisa analisou os 29 parceiros que tinham capacitação e certificações SAP S/4Hana, com casos de implementação e níveis de parceria diversificados, como Gold e Platinum. “O relatório aponta o preparo e as qualificações destes parceiros para projetos SAP, sendo um termômetro importante para a tomada de decisão das áreas de TI das empresas”, afirma Pedro Maschio, analista e um dos autores do estudo, que coletou opiniões e números fornecidos pelos parceiros SAP.

A posição no quadrante de Large Accounts mostra capacidade de consultorias e prestadores de serviços de integração de sistemas para desenvolvimento, implementação e testes de aplicações com o SAP S/4 Hana. Já o quadrante de Midmarket analisa a capacidade de oferecer uma rápida resposta às implementações do S/4 Hana para clientes em mercados intermediários, enquanto o quadrante Managed Application considera a capacidade de oferecer serviços gerenciados, com funções de manutenção e suporte, para SAP S/4 Hana e SAP Business Suites.

Divulgado este mês, o levantamento aponta para uma tendência que muitos players do setor de tecnologia já esperavam: a aceleração da Transformação Digital pelas empresas, necessária especialmente no contexto trazido pela pandemia de Covid-19  

“O estudo tem grande relevância para o mercado de TI pois ao apontar os níveis de maturidade a qualificação dos diferentes fornecedores, traz maior transparência ao setor e nos permite traçar uma estratégia mais assertiva para os negócios e de melhoria em nossos processos”, comenta Ricardo Fachin, CEO da FH. “Nesse contexto, ocupar a posição de Rising Star nos traz muito orgulho, pois é um reconhecimento do esforço e dedicação da equipe FH em contribuir diretamente com a transformação digital de grandes setores da indústria”, afirma.

O resultado confirma a perspectiva de crescimento sólido da FH e sua metodologia de entrega otimizada, que oferece ferramentas modernas para controlar os resultados de projetos em médias e grandes companhias. Segundo Fachin, a empresa vem investindo no desenvolvimento dos seus colaboradores para fornecer atendimento e entrega ainda mais personalizados. Entre os setores que foram destaque no período avaliado estão varejo, manufatura, agronegócio, serviços e finanças.

De acordo com o executivo, a FH pretende continuar trabalhando para consolidar ainda mais sua presença no quadrante de Large Accounts e fortalecer seu posicionamento em Midmarket e Managed Application Services nos próximos anos.

“Já em 2019, a FH vinha numa ascensão, mas, de lá para cá, solidificou sua posição em decorrência do crescimento e elevação no número de suas ofertas, além da expansão de sua cobertura geográfica, especialmente após sua aquisição pela itelligence”, completa Pedro Maschio. A itelligence é uma consultoria alemã líder mundial na venda de licenças SAP que integra o grupo japonês NTT Data.

ISG Provider Lens – Termômetro de mercado
Divulgado este mês, o levantamento aponta para uma tendência que muitos players do setor de tecnologia já esperavam: a aceleração da Transformação Digital pelas empresas, necessária especialmente no contexto trazido pela pandemia de Covid-19. As adoções do SAP S/4 Hana por meio de parceiros da SAP – para dar sustentação e agilidade às estratégias de negócios, integrações e garantir maior eficiência aos processos – aconteceram especialmente no segmento de médias empresas, automatizado ferramentas e estruturas que permitem projetos de transformação rápida.

O relatório ISG observou, ainda, pequenas alterações no mercado para grandes contas em 2020. Os participantes do estudo relataram não terem paralisado seus projetos e a continuidade dos negócios não é um risco para esses fornecedores. Outro aspecto positivo revelado pelo ISG é que os fornecedores estão otimistas e acreditam que possam vender projetos utilizando uma nova entrega de modelo, especialmente projetos online.

Os resultados da FH estão disponíveis nas versões português e inglês.

Serviço
www.fh.com.br

 

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos