Artigos

ERP para Transformação Digital das pequenas e médias empresas brasileiras

Investir em inovação tecnológica empresarial é essencial para as pequenas e médias empresas sustentarem as operações e se diferenciarem no novo cenário econômico. Segundo estudo recente realizado pelo Sebrae e Fundação Getúlio Vargas (FGV), as pequenas e médias empresas representam hoje 30% do Produto Interno Bruto (PIB) do País, um resultado que vem crescendo nas últimas três décadas e um desempenho importante para a economia nacional.

Para que essas empresas se mantenham no mercado e sejam eficientes é preciso o investimento em tecnologia e inovação para o futuro e diferenciação dos seus negócios. A adoção de um sistema de ERP moderno – solução de software de gestão empresarial integrada – é essencial para que as pequenas e médias empresas tenham o controle de suas operações, otimizem os processos na cadeia produtiva, e ainda, melhorar o desempenho dos negócios para se diversificarem no seu setor de atuação. Acelerar o processamento, efetuar conciliações de fechamento fiscal, solução de governança, compliance fiscal e manter o escopo dos processos empresariais, com base unificada, sem comprometer as operações cotidianas, contribui para a proteção e geração de empregos, sendo essencial para as empresas e para o mercado. Além disso, a extrema conectividade de um software ERP com o ecossistema empresarial – parceiros, clientes, fornecedores e distribuidores -, a empresa fica conectada e em sincronismo dentro da nova realidade exigida pós Covid-19.

A possibilidade da utilização correta dos dados fiscais, quanto a obtenção de informações gerenciais, aliadas a capacidade de análises de dados empresariais, definem modelos de negócios mais inteligentes, otimizando os resultados e a produtividade das companhias. Na atual desaceleração da economia, a Transformação Digital oferece oportunidades infinitas. Com a mudança do comportamento dos consumidores e o novo cenário econômico mundial, é fundamental que as empresas se adequem e invistam em tecnologia para a nova conjuntura econômica.

O novo normal empresarial baseia-se em negócios remotos, reuniões virtuais, compras on-line, supply-chain integrado entre os sistemas e, principalmente, um profissional que não aceita mais tecnologias obsoletas e desconectadas, que possam diminuir a sua produtividade. O novo normal não aceita mais o desconectado, a tendência será melhorar os processos operacionais e reduzir os custos.

Um dos investimentos necessários para promover o dinamismo e sustentação das pequenas e médias empresas no mercado é, sem dúvida, a implementação de um ERP moderno. Este processo envolve vários pontos para se obter sucesso nas operações: Os primeiros são mapear as necessidades e definir os objetivos esperados pela direção da empresa e as necessidades do mercado. Em geral, o procedimento de aquisição de uma solução de ERP é orientado para o controle das informações e metodologias, esse processo acaba envolvendo usuários, líderes de equipe e o escopo original passa a ganhar novos direcionamentos e interesses. Após os primeiros passos, a implementação ocorre com foco nas necessidades operacionais das empresas, benefícios para os colaboradores, segurança das informações e processos mais definidos e controlados.

O ERP moderno pode disponibilizar uma visão empresarial integrada com diversos departamentos de uma empresa, possibilitando a automação e armazenamento de todas as informações de negócios de forma consolidada para decisões estratégicas, gerenciais e operacionais, reduzindo custos de monitoramento, otimização do fluxo de informações e processos de decisão. Evitar a perda de dados e processos repetitivos, que muitas vezes são desgastes nas estratégias e despendem de investimentos extras, não será mais viável em uma época de decisões rápidas e assertivas. Especialmente em períodos com maiores desafios econômicos, a busca pela eficiência do negócio passa pela adoção de um ERP como ferramenta de gestão e controle. Nesses períodos, a conectividade empresarial entre o ERP é fundamental.

A eficácia nos processos empresariais com processos já definidos (ou até definidos pela primeira vez), as informações sobre desempenho organizacional e o demonstrativo de resultados começam a mudar a forma de como o gestor toma as suas decisões e cria oportunidades para a empresa se tornar mais digital e colaborativa.

Hoje, já existem no mercado diversas opções integradas de soluções para a implementação de um ERP para empresas de diversos tamanhos e segmentos, em especial, as pequenas e médias empresas, que pretendem manter uma operação sustentável e crescer em seu mercado de atuação. São softwares modulares, com implementação remota e que atendem com eficiência diversos setores da indústria.

O investimento em um ERP pode diferenciar uma gestão de sucesso, com definição dos objetivos e dos resultados esperados para agilizar os métodos empresariais e estabelecer uma comunicação entre os diversos setores departamentais. Com as informações empresariais consolidadas em um único sistema, facilita a análise dos processos e detecção de falhas de gerenciamento, sendo possível corrigi-los em tempo real, por meio digital.

A adoção de um ERP moderno pelas pequenas e médias empresas contribui para a melhor prática de gestão dos negócios e para sobreviverem de forma organizada e sustentável no novo normal.

Por Décio Krakauer, presidente da Ramo Sistemas

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos