Tendências

Conheça 5 benefícios pouco explorados do PIX

O PIX tende a apoiar pessoas que se sustentam da economia informal

Muito se fala sobre os benefícios do PIX, novo sistema de pagamento instantâneo, a ser adotado por todas as instituições financeiras com mais de 500 mil clientes no Brasil. O destaque vai para o envio de dinheiro em alguns segundos gratuitamente, o que representa o fim da cobrança de TEDs e DOCs e do período de até 24 horas para compensação.

Mas o PIX trará mudanças especialmente significativas em algumas atividades e aspectos ainda pouco divulgados. Alguns deles estão relacionados e comentados abaixo por Armando Ferraz, diretor comercial da Kryptus, multinacional brasileira especializada em criptografia e segurança cibernética.

Os brasileiros poderão usar o PIX para pagar contas de serviços públicos, o que vai facilitar a vida dos consumidores e dos fornecedores

Inclusão – Em virtude da redução de custos, conveniência, transparência e privacidade, o PIX vai estimular a inclusão no sistema bancário. Uma grande parcela da população desbancarizada não consegue cumprir todas as exigências para abrir uma conta. Com o PIX, essas pessoas poderão realizar transações seguras, rápidas e gratuitas com apenas um e-mail ou telefone, por exemplo. Qualquer cidadão poderá ter acesso a uma conta digital, podendo inclusive pagar contas, ter acesso a crédito, investimentos e serviços financeiros para esta parte da população.

Economia informal – O PIX tende a apoiar pessoas que se sustentam da economia informal. O pequeno comerciante que utiliza o Instagram como canal de vendas, por exemplo, passa a ter uma conta digital que permitirá receber dinheiro de clientes e transferir dinheiro para fornecedores, entre outros. Com o PIX e QR Code, essas transações irão acontecer de forma rápida, simples e segura, beneficiando desde as grandes redes varejistas até o pequeno comerciante informal.

Segurança – Outra tendência do novo sistema é a redução considerável de dinheiro em espécie circulando nas ruas. Dados do mercado apontam que, em dez anos, o PIX deve reduzir à metade os pagamentos em dinheiro no Brasil, o que pode gerar benefícios como melhor organização fiscal e tributária, combate à violência, sonegação, tráfico de drogas e corrupção.

Checagem de fraude – O QR code acomoda informações de qualquer tamanho, que mostram onde, como e quando o pagamento foi realizado. Quando o cliente paga com PIX, essa transação já entra diretamente na conta e é possível fazer a conciliação bancária imediata, enquanto, hoje, os bancos e varejistas pagam um valor muito alto pela conciliação, para checar se houve fraude ou não, entre diversos outros aspectos. Com a integração da conciliação ao pagamento, o tempo e custo de checagem são reduzidos, o que possibilita economia de dinheiro, infraestrutura e pessoal envolvido na operação.

Serviços públicos – Os brasileiros poderão usar o PIX para pagar contas de serviços públicos, o que vai facilitar a vida dos consumidores e dos fornecedores. Maior facilidade para realizar pagamento das contas e redução nas filas em lotéricas são alguns dos aspectos esperados. Além disso, a rapidez dos pagamentos permite às concessionárias redução de custos e agilidade em seus recebimentos. Por enquanto, estão incluídas a conta de luz e a Guia de Recolhimentos da União (GRU).

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos