book_icon

Red Hat desenvolve software de radiologia com ferramentas de IA

Hospital de referência para cuidados pediátricos em Boston (EUA) adota o Red Hat OpenShift para desenvolver a Inteligência Artificial em radiologia pediátrica

Red Hat desenvolve software de radiologia com ferramentas de IA

Nos últimos meses a Red Hat, empresa global de soluções open source, vem realizando testes no Boston Children’s Hospital para melhorar a eficácia da análise de exames de raio-x. Utilizando o Red Hat OpenShift no ambiente de Inteligência Artificial (IA), a parceria entre as duas empresas busca melhorar a qualidade e a precisão de interpretação de imagens no departamento de radiologia pediátrica.

Antes do Boston Children’s Hospital começar a testar a IA em radiologia, as medições quantitativas tinham que ser feitas manualmente, o que era uma tarefa demorada. Outras análises de imagens mais complexas eram realizadas completamente off-line e fora do fluxo de trabalho clínico.

Com o open source, já é possível obter a inovação alimentada por IA em ambientes de TI híbridos que podem levar a avanços clínicos mais rápidos e melhores resultados para os pacientes

Em uma área onde o tempo é essencial, o hospital está testando o Red Hat OpenShift por meio do ChRIS Research Integration Service, uma plataforma de imagens médicas baseada na web. A aplicação de IA executada no ChRIS com base no Red Hat OpenShift tem o potencial de examinar automaticamente raios X, identificar as imagens de diagnóstico mais valiosas entre as milhares e sinalizar quaisquer discrepâncias, diminuindo o tempo de interpretação para radiologistas.

A inovação foi desenvolvida internamente e pode ser transferida para nuvens públicas de investigação, como a Massachusetts Open Cloud (MOC), em que é possível compartilhar dados em grande escala e promover a inovação. O Boston Children’s Hospital pretende ampliar o alcance de soluções avançadas de saúde em todo o mundo por meio dessa abordagem, amplificando seu impacto no bem-estar dos pacientes em todo o mundo.

A Red Hat acredita que o open source destrava o potencial do mundo, incluindo o potencial para compartilhar conhecimento e ir além com base nas descobertas uns dos outros. Além disso, a empresa crê que a inovação – deve estar disponível em todos os lugares, tornando qualquer aplicação, em qualquer lugar, uma realidade.

“O Hospital Infantil de Boston exemplifica o impacto positivo que a inteligência artificial pode ter no campo da saúde e como ela estimula a inovação além da TI empresarial tradicional. A Red Hat tem orgulho de colaborar com o Hospital Infantil de Boston, fornecendo a base tecnológica para os esforços que visam fazer a diferença na saúde das futuras gerações.”, explica Chris Wright, chief technology officer e vice-presidente sênior de Engenharia Global da Red Hat

Com o open source, já é possível obter a inovação alimentada por IA em ambientes de TI híbridos que podem levar a avanços clínicos mais rápidos e melhores resultados para os pacientes.

 

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.