book_icon

Kubernetes pode facilitar processos nas empresas

A plataforma fornece recursos especiais que visam mais performance e economia para sua empresa

Kubernetes pode facilitar processos nas empresas

Como recurso base do Red Hat Openshift Container Platform, o Kubernetes ou como é conhecido, (k8s), elimina grande parte dos processos manuais necessários para implantar e escalar as aplicações em containers. Em outras palavras, se você desejar agrupar em clusters os containers Linux, o Kubernetes ajudará a gerenciar esses clusters com facilidade e eficiência. Esses clusters podem ser executados em Nuvem pública, privada ou híbrida.

Por isso, o Kubernetes é a plataforma ideal para hospedar aplicações nativas em Nuvem que exigem escalabilidade rápida, resiliência e cenários de missão crítica. Não importa o tamanho da sua aplicação: de um simples website ao streaming de dados gerados por dispositivos IoT e tratados em tempo real, o Kubernetes consegue auxiliar sua jornada de uma maneira simples e eficiente.

Se você desejar agrupar em clusters os containers Linux, o Kubernetes ajudará a gerenciar esses clusters com facilidade e eficiência  

O Arquiteto de Soluções Red Hat na Ax4B, João Amâncio Ferreira, destaca que o Kubernetes foi pensado na escalabilidade, performance e otimização de recursos, utilizado para rodar as aplicações, por essa razão é um recurso extremamente necessário para contribuir na gestão e economia das empresas que usam e até mesmo as que desejam adquirir.

Breve histórico
Originalmente, o Kubernetes foi criado e desenvolvido por engenheiros do Google. O Google foi um dos pioneiros no desenvolvimento da tecnologia de containers Linux. Além disso, a empresa já revelou publicamente que tudo no Google é executado em containers (inclusive, essa é a tecnologia por trás dos serviços em Cloud da empresa).

O Google gera mais de 2 bilhões de implantações de containers por semana, viabilizadas por uma plataforma interna: Borg. O Borg foi o antecessor do Kubernetes. As lições aprendidas ao longo dos anos de desenvolvimento do Borg foram a principal influência para o desenvolvimento da tecnologia do Kubernetes.

Uma curiosidade sobre o Kubernetes é que os sete raios do logotipo fazem referência ao nome original do projeto, “Project Seven of Nine” (Projeto Sete de Nove).

A Red Hat, player da Ax4B, foi uma das primeiras empresas a trabalhar com o Google no desenvolvimento do Kubernetes, antes mesmo do lançamento da plataforma. Em 2015, o Google doou o projeto Kubernetes à Cloud Native Computing Foundation, recém-formada na época.

Performance e resultado
Otimizado para aprimorar a produtividade do desenvolvedor e promover a inovação. Este produto é disponibilizado como um serviço de Nuvem que é totalmente gerenciado em Nuvens públicas líderes ou, até mesmo, como uma oferta de software autogerenciado para organizações que precisam de mais personalização.

Dadas as vantagens que uma solução de Infraestrutura e Colaboração em Nuvem pode levar às empresas de todos os portes e segmentos do mercado, torna-se clara a importância de contratar uma plataforma como a Red Hat.

João, afirma que um dos pontos mais importantes do kubernetes que merece destaque é a capacidade de se trabalhar com as mais diversas atualizações de uma aplicação, essa metodologia torna seu desenvolvimento extremamente ágil e de acordo com o que é exigido atualmente.

“Na prática o que temos hoje é uma integração de sistemas, o kubernetes, permite por exemplo que o youtube tenha centenas de containers administrados pelo k8s de maneira fluida e organizada, permitindo autonomia e independência dos mesmos”. Destaca o arquiteto.

Por que ele é essencial?
Um ponto obrigatório a ser falado é sobre o container, é através dele que temos o benefício de aplicações e portabilidade, o kubernetes entra nesse contexto com mais ferramentas de configurações e execução de rotinas agendadas, como orquestradora de containers.

Como mais um diferencial João aponta a capacidade de criar operadores. “É possível criar algumas rotinas que seriam feitas por um analista de sistema ou infraestrutura, como a implantação de um cluster Kafka e com o kubernetes, através dos operators, executá-las de maneira automatizada sem intervenção humana.”. Pontua.

A AX4B é especializada em licenças de software para empresas, presente há mais de uma década no mercado.

AX4B

Borg

containers

João Amâncio Ferreira

Kubernetes

Nuvem

Red Hat OpenShift Container Platform

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.