book_icon

RPA impulsiona a produtividade das empresas

Especialista da MAGIT esclarece como a solução de RPA pode ser uma aliada das PMEs

RPA impulsiona a produtividade das empresas

Nos últimos quatro anos a RPA, sigla do inglês Robotic Process Automation, que significa automação robótica de processos, ganhou destaque em diversas empresas por otimizar o tempo e contribuir para a produtividade das equipes. Segundo uma recente pesquisa realizada pelo grupo Acumen, o mercado global de RPA atingirá o valor de 4,1 bilhões de dólares em 2026. O relatório considera uma crescente na procura por soluções automatizadas, envolvendo a integração com Inteligência Artificial (IA). As pequenas e médias empresas (PMEs) seguem protagonistas nessa busca, já que entendem que, para o seu crescimento, é preciso investir constantemente em software de automação digital para otimizar fluxos.

O desenvolvimento da solução de RPA tende a sanar uma ‘dor’ da empresa, portanto, a tecnologia deve ser aplicada a fim de melhorar procedimentos operacionais e ter resultados expressivos em um espaço de tempo bem mais curto  

Para Murilo Gomes, CEO da Magit, empresa especializada em Transformação Digital que utiliza a tecnologia como ferramenta impulsionadora de processos e resultados, esse é um recurso que pode eliminar, em alguns casos, até 100% da atividade humana. “Por serem tarefas extremamente padronizadas e repetitivas, atuar com um robô que simula um ser humano para dar continuidade na operação em menos tempo permite que os profissionais sejam realocados em tarefas mais estratégicas para a empresa”, explica o executivo.

Os fluxos de trabalho nas PMEs impulsionaram tanto o segmento de RPA que resultou em outro relatório, desenvolvido pelo grupo IMARC. Neste novo estudo, foi constatado que esse mercado chegou a 2,1 bilhões de dólares em 2021 e atingirá 11,4 bilhões de dólares em 2027. “O desenvolvimento da solução de RPA tende a sanar uma ‘dor’ da empresa, portanto, a tecnologia deve ser aplicada a fim de melhorar procedimentos operacionais e ter resultados expressivos em um espaço de tempo bem mais curto”, ressalta Gomes.

Atualmente, o mercado oferece soluções com excelente custo-benefício, já que estudam caso a caso e trabalham com recursos personalizados para a realidade e necessidade de cada empresa. “É preciso pensar junto ao cliente e desenvolver uma jornada que todos tenham sucesso. Por sua facilidade de implantação e rapidez na criação e disponibilização de um robô, a RPA se mostra uma solução muito desejada no dia a dia das PMEs, tanto para a otimização de processos quanto na geração de mais produtividade entre todos os envolvidos”, finaliza.

MAGIT

Murilo Gomes

PMEs

produtividade das empresas

RPA

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.