book_icon

Equipes ágeis melhoram a percepção do usuário sobre o produto

De acordo com a 13ª edição da State of Agile Report, 97% das empresas de tecnologia no mundo já utilizam métodos ágeis

Equipes ágeis melhoram a percepção do usuário sobre o produto

Foi-se o tempo em que metodologias ágeis eram “coisa de startups”. Tendo em vista que elas geram altos níveis de produtividade, engajamento e inovação, além da entrega de valor agregado à solução para o cliente com custos reduzidos, sua adoção se tornou praticamente obrigatória, mesmo nos cenários mais improváveis. E o porquê não é difícil de entender.

A agilidade é o novo padrão do mercado e é cada vez mais valorizada na gestão de projetos e desenvolvimento de produtos. De acordo com a 13ª edição da State of Agile Report, 97% das empresas de tecnologia no mundo já utilizam métodos ágeis. Fazendo parte de um mercado que se renova tão intensamente quanto o de TI, nada mais natural que evoluir de um modelo de trabalho em que se priorizava uma entrega finalizada de solução, para um modelo de melhoria e atualização contínua.

Diferentemente da gestão de trabalho tradicional, na qual times trabalham em silos e onde cada profissional pensa na sua própria entrega, as metodologias ágeis pensam em objetivos coletivos 

Luana Nogueira, head of Marketing da Binario Cloud, fala sobre a importância de construir equipes ágeis, com o mindset voltado para esse modelo de trabalho, para o aprimoramento dos processos nas empresas. “Na prática, as equipes ágeis são equipes que estão sempre melhorando o produto. O resultado, como é de se esperar, é uma excelente experiência, totalmente alinhada aos anseios do novo mercado consumidor, que busca por soluções que passem a sensação de serem ‘personalizadas’ ou, de alguma maneira, ‘adaptadas’ à sua realidade. Porque, de fato, elas são”, afirma.

A executiva conta que a implementação das metodologias ágeis na empresa começou com os projetos de assessment, serviço que ocorre em etapas, visando promover mais visibilidade e melhorias para os processos de TI das empresas. Dada sua concepção, o assessment já não mais era comportado por uma metodologia obsoleta e pediu uma nova forma de execução de tarefas. Assim, as metodologias ágeis amadureceram junto à área de projetos. Porém, a virada de chave se deu por conta do desenvolvimento de dois grandes projetos com a participação de pessoas de diferentes departamentos. “A partir daí, foi natural que percebessem rapidamente os benefícios de adotar as metodologias ágeis também em suas áreas”, diz.

Trabalho em equipe

Equipes compostas por colaboradores de diferentes áreas são capazes de ter uma visão mais ampla do produto e do negócio. Diferentemente da gestão de trabalho tradicional, na qual times trabalham em silos e onde cada profissional pensa na sua própria entrega, as metodologias ágeis pensam em objetivos coletivos. Desta forma, fomentam a comunicação recorrente e a otimização geral de processos da equipe.

Na Binario Cloud, a partir do momento em que os setores adotaram o método ágil, as tarefas passaram a ser conduzidas em sprints, resultando em: total controle sobre o que é entregue e o que que será direcionado para um próximo momento, melhor organização das demandas entre os membros das equipes, maior precisão ao estimar os recursos alocados para realizar determinada entrega, contribuição ativa em diferentes projetos e acompanhamento em tempo real de seu andamento, além da visibilidade sobre o histórico de tudo o que já foi feito..

“A condução das sprints por meio de reuniões de alinhamento com o squad resulta em uma interação constante entre diferentes frentes de trabalho. São diversas pessoas com opiniões, experiências, conhecimentos e visões distintas de mundo. A troca proporcionada por esses momentos, mesmo no modelo remoto ou híbrido, é impressionante”, avalia a head de Marketing. A executiva também adverte que tudo isso só faz sentido caso se converta em benefícios perceptíveis para o cliente.

 

Binario Cloud

Cloud

Equipes

Luana Nogueira

Metodologias Ágeis

Telefonia

TI

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.