book_icon

Nvidia vGPU dá poder aos desktops virtuais do Windows 11

A última versão do software virtual GPU ajuda os profissionais remotos a lidar com gráficos, IA e cargas de trabalho pesadas de computação

Nvidia vGPU dá poder aos desktops virtuais do Windows 11

A Nvidia anunciou a disponibilidade da versão mais recente do software virtual GPU (vGPU), que promete melhorar a experiência dos usuários em aplicações de trabalho remoto. O Nvidia vGPU adiciona suporte para desktops virtuais Windows 11, trazendo desempenho gráfico acelerado para fornecer a experiência do usuário da mais alta qualidade. Ele também inclui suporte para a tecnologia Nvidia Deep Learning Super Sampling (DLSS), para que mais usuários possam aproveitar o poder da IA ​​para criar gráficos fotorrealistas impressionantes de qualquer lugar.

O recente lançamento do Windows 11 oferece um novo nível de sofisticação para experiências de desktop – bem como uma maior demanda por aceleração gráfica. Ele requer muito mais poder de computação do que o Windows 10, incluindo uma placa gráfica compatível com DirectX 12 ou posterior com um driver WDDM 2.0 e uma tela de alta definição de 9 polegadas ou mais com 8 bits por canal de cor.

Os profissionais podem enfrentar esses desafios com o softwarer vGPU. Com as máquinas virtuais aceleradas por GPU no Windows 11, os usuários podem obter a potência e o desempenho para executar fluxos de trabalho intensivos de computação e gráficos enquanto trabalham remotamente de qualquer lugar, em qualquer dispositivo.

O suporte para Nvidia DLSS, uma tecnologia de renderização por IA, aumenta o desempenho gráfico usando GPUs Nvidia RTX com processadores Tensor Core AI dedicados. O DLSS usa uma rede neural de aprendizado profundo para aumentar as taxas de quadros e ajudar os profissionais a gerar imagens renderizadas nítidas e bonitas. A taxa de quadros aumentada e a clareza da imagem do DLSS são extremamente benéficas para os desenvolvedores de Realidade Virtual (RV), dados os elevados requisitos de experiências imersivas. Os usuários corporativos podem transmitir essas experiências de RV para seus dispositivos XR favoritos usando o Nvidia CloudXR em execução em Nvidia RTX Virtual Workstations (vWS) .

Com esta versão do software vGPU, os clientes que usam as edições de software NVIDIA RTX vWS ou NVIDIA Virtual Compute Server (vCS) são compatíveis com Ubuntu KVM (versões 20.04 LTS e 18.04 LTS) e hipervisores Suse Linux.

Serviço
www.nvidia.com

Carga de trabalho

Computação Gráfica

IA

Nvidi

trabalho remoto

vGPU

Windows 11

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento