book_icon

Vantagens para o suporte remoto do Smart Hands

A otimização de tempo é uma das principais funções deste serviço que já é uma tendência de mercado

Vantagens para o suporte remoto do Smart Hands

Smart Hands é uma opção de suporte técnico remoto que inclui atribuições como a implementação do hardware, correções de falhas, gerenciamento dos dispositivos, entre outros.  E, em eventos de crise como o que vivemos desde 2020, os serviços feitos remotamente são os mais procurados. No caso dos Data Centers, que são físicos, o Smart Hands torna-se uma opção interessante para empresas que estão em outros estados e não conseguem se deslocar com rapidez.

As companhias estão digitalizando toda a sua infraestrutura de TI e uma das tendências tecnológicas que vem sendo muito adotada é o serviço de Smart Hands, que durante a pandemia cresceu exponencialmente e vem se consolidando no cenário pós-pandemia.

Um dos benefícios do suporte remoto é a agilidade na resolução de problemas, uma vez que todo o tempo terá um especialista disponível, com total conhecimento dos processos que envolvem o gerenciamento da estrutura de Data Centers 

“A tendência é que o Smart Hands venha a ter mais demanda e que se torne cada vez mais comum. É notório o crescimento exponencial, em termos de demanda e de volume de serviços, que tem ocorrido. Portanto, é fato que se trata de um processo irreversível, que avançará gradativamente, mas de modo acelerado”, explica Marcos Golfeto, coordenador de Redes e Telecom da Odata.

Um dos benefícios do suporte remoto é a agilidade na resolução de problemas, uma vez que todo o tempo terá um especialista disponível, com total conhecimento dos processos que envolvem o gerenciamento da estrutura de Data Centers. A manutenção dos equipamentos é realizada ininterruptamente, o que evita o surgimento de problemas mais graves.

Com o aumento do tráfego de dados à rede corporativa, a segurança é uma preocupação constante. Portanto, ao combinar o trabalho dos especialistas ao uso de softwares de monitoramento, por exemplo, tem-se o cenário ideal, já que as aplicações conseguem detectar comportamentos incomuns com maior facilidade, alertando os técnicos rapidamente.

“O Smart Hands com certeza veio para ficar. É uma tendência natural, pois, entre outros fatores, a otimização de tempo e a significativa redução de custos proporcionada por este serviço são muito atrativas. Consequentemente, isso nos obriga a estar mais prontos e capacitados para o exercício desse tipo de atendimento”, diz Golfeto.

data centers

Marcos Golfeto

Odata

Smart Hands

suporte remoto

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | PRÊMIO A ESCOLHA DO LEITOR

As indicações do usuário

Leia nessa edição sobre carreira

CÓDIGO ABERTO

Kubernetes rumo à Nuvem

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

LEGISLAÇÃO

Importações desafiam as empresas

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

COMUNICAÇÕES

5G: Será que agora vai?

Outubro | 2021 | #51 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento