book_icon

Soluções inovadoras e personalizadas chamam clientes e startups investem mais em IA

Atentas às novidades, empresas não poupam esforços para que se mantenham no mercado emergente e competitivo da tecnologia

Soluções inovadoras e personalizadas chamam clientes e startups investem mais em IA

As modernas tecnologias têm ocasionado transformações significativas para todos os setores da sociedade. Essas inovações agilizam os negócios, ao ponto que, propõem soluções inteligentes com base nas análises de Big Data, fazendo surgir novos produtos, ideias e traçando estratégias que tornam os empreendimentos ainda mais competitivos.

Os serviços de Inteligência Artificial são capazes de “pensar” e corrigir problemas tanto gerenciais quanto operacionais, sem necessitar de intervenção humana. Desta forma, o processo produtivo adquire proporções maiores, porém, mais econômicas.

As ferramentas que atuam com Inteligência artificial, coletam as informações necessárias do produto ou serviço e aplicam um grupo determinado de algoritmos. A tomada de decisão é baseada em dados concretos, precisos e sem margem de erro.

Além de otimizar o trabalho, a tecnologia permite ainda que funções mais complexas, repetitivas e burocráticas, possam ser desenvolvidas de forma facilitada, reduzindo o tempo de execução, permitindo que o profissional possa gerenciar melhor o seu tempo.

Essas ferramentas emergentes e evoluídas, proporcionam, entre outras questões, um alto grau de autonomia e atraem diariamente, um número crescente de clientes.

Soluções personalizadas
Os empresários procuram cada vez mais por soluções personalizadas, que reflitam os interesses da organização e que sejam capazes de traçar métricas e desempenhar de forma rápida e eficaz as funções do negócio, visando assim melhorar a experiência de seus clientes e, consequentemente, aumentar a receita da empresa.

Para oferecer a esses empreendedores a tecnologia esperada, empresas de tecnologia e, principalmente startups, têm revolucionado o mercado, oferecendo serviços, produtos e plataformas customizadas, que são capazes de atender as expectativas desses empresários.

As startups são reconhecidas pelo fato de proporcionarem ferramentas criativas e tecnológicas, que substituem sistemas obsoletos por inovações. No entanto, para se manter no topo dessa categoria, as startups precisam enfrentar uma série de desafios para manterem-se no negócio e preservar sua posição no mercado.

“O processo de inovação dentro da startup deve ser contínuo, procurando sempre oferecer um diferencial para o cliente, o que envolve estratégia de mercado e novas possibilidades de serviço”, destaca João Tosin, CEO e Co-fundador da Celero, fintech desenvolvedora de um software de gestão financeira, que tem como intuito automatizar os negócios de pequenos e médios empreendedores no País.

Investir em pesquisa e desenvolvimento também é uma estratégia de negócio fundamental, para que a startup esteja sempre um passo à frente da concorrência, e possa dessa forma, manter uma evolução contínua, fidelizando seus clientes e atraindo novas propostas.

“Além disso, é de extrema importância estar atento às necessidades do cliente, para que seja possível oferecer um produto qualificado e que vá de encontro com suas expectativas. Do mesmo modo, é imprescindível estar atento às novas tendências. É essencial fazer constantemente uma análise de mercado para explorar novas oportunidades”, sugere Tosin.

Atenção com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)
Muitas estratégias são elaboradas com base na análise de dados. Esse diagnóstico geralmente norteia as ações que serão desenvolvidas pela empresa, no entanto, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), em vigor desde 2020 é outro grande desafio imposto recentemente as empresas, tendo em vista que, a nova legislação regulamenta a manipulação de informações pessoais dos cidadãos.

Essas restrições determinadas pela LGPD tornam mais burocrática a coleta, bem como o processamento e o armazenamento dos dados dos usuários de plataformas digitais, tendo como foco principal, o sigilo e a proteção da privacidade.

A restrição de dados dificulta a personalização de serviços, já que, delimita os elementos que podem ser colhidos do cliente. No entanto, é possível buscar maneiras de se adequar à lei, sem perder as valiosas informações do cliente.

Para que a adaptação ocorra de forma estruturada é essencial adotar as medidas cabíveis para garantir a proteção de dados exigida pela lei. Mas, ainda é possível conquistar os dados necessários para traçar os planos de negócio, desde que haja o consentimento do cliente. Oferecer o termo de consentimento de dados de forma clara e com linguagem simples, pode ser uma opção para adquirir as informações, sem desrespeitar a lei.

A Celero foi lançada em 2016, com a disciplina e trabalho que qualquer empreendimento exige, João Tosin, João Augusto Betenheuzer e Pedro Chaves, lançaram a startup, inovadora, com serviços de gestão e automação para o departamento financeiro das empresas. Hoje, a Celero oferece, através de tecnologia, um departamento financeiro online para PMEs de todas as regiões do País, é a única do mundo que automatiza toda a rotina financeira, transformando fotos ou imagens de documentos em relatórios financeiros e operações bancárias.

Big Data

Celero

João Augusto Betenheuzer

João Tosin

LGPD

Pedro Chaves

Startups

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | PRÊMIO A ESCOLHA DO LEITOR

As indicações do usuário

Leia nessa edição sobre carreira

CÓDIGO ABERTO

Kubernetes rumo à Nuvem

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

LEGISLAÇÃO

Importações desafiam as empresas

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

COMUNICAÇÕES

5G: Será que agora vai?

Outubro | 2021 | #51 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento