book_icon

Brasil tem um golpe financeiro a cada seis segundos em 2021

De acordo com a PSafe, as ameaças mais identificadas nesta categoria são os golpes que utilizam indevidamente nomes de lojas virtuais, de bancos e o Pix

Brasil tem um golpe financeiro a cada seis segundos em 2021

Dentre as ameaças mais identificadas nesta categoria estão os golpes que utilizam indevidamente nomes de lojas virtuais, nomes de bancos e a temática PIX.

O dfndr lab, laboratório especializado em segurança digital da PSafe, detectou um crescimento no número de golpes financeiros, cujo objetivo é roubar informações bancárias e de cartão de crédito das vítimas. Somente no primeiro semestre de 2021, já são mais de 2.3 milhões de detecções desta categoria de golpe, o que representa uma ameaça financeira sendo detectada a cada 6 segundos no País.

Cibercriminosos têm enviado mensagens via SMS para roubar dados financeiros (PSafe)

Como identificar um golpe financeiro
Emilio Simoni, diretor do dfndr lab, explica que os golpes financeiros são especialmente disseminados através de SMS. “Costumamos identificar muitos golpes de phishing enviados por SMS, em que o cibercriminoso se passa por um banco solicitando o bloqueio ou desbloqueio de um cartão de crédito através de um link, ou pedindo a confirmação de dados bancários supostamente para bloquear uma compra não autorizada. A vítima, aflita e com medo de estar sofrendo uma fraude, é convencida a informar dados sensíveis que serão utilizados nos golpes”, alerta o diretor.

Golpes financeiros já ultrapassam 2,3 milhões de detecções neste ano no País  

Os riscos se tornaram ainda maiores desde o início de 2021, quando dados de mais de 100 milhões de assinantes de contas de celulares foram vazados na Dark Web. O alerta foi feito pela PSafe, em fevereiro deste ano, e já destacava que nos bancos de dados encontrados havia informações pessoais que poderiam ser usadas por cibercriminosos para fins escusos. “Estudando o comportamento dos criminosos ao longo dos anos, antecipamos que poderia haver o uso dessas informações sensíveis em golpes. Se no passado, um banco ligasse para você, dissesse seu nome completo e CPF, você poderia confiar que era realmente alguém do banco ao telefone. Hoje em dia, com os criminosos de posse dessas informações vazadas, é preciso sempre desconfiar e não passar mais dados se não tiver certeza sobre quem está solicitando as informações”, pontua Simoni.

O diretor lembra ainda que os cibercriminosos estão sempre se reinventando: “Quando um novo serviço bancário é lançado, como foi o caso do PIX, os cibercriminosos também aproveitam da popularidade para criar novos ataques. Os golpes com a temática PIX, por exemplo, já tiveram mais de 62 mil acessos e compartilhamentos somente em 2021”.

Riscos do golpe para as vítimas
Simoni esclarece ainda o prejuízo para a vítima dos golpes financeiros: “Quando a vítima informa seus dados no link malicioso, ela fica vulnerável ao roubo dessas informações pessoais, que podem ser usadas pelo cibercriminoso para realizar compras virtuais, a assinar serviços online e até para abrir contas em bancos. Outro problema é quando a vítima compartilha o falso site com seus contatos, ela torna-se um vetor de disseminação do golpe, o que garante aos cibercriminosos um crescimento acelerado dos ataques”.

Confira as dicas dos especialistas para se proteger:
1 – Os SMS são os principais meios utilizados para disseminar golpes financeiros. Utilize soluções de segurança no celular, como o dfndr security, que disponibilizam proteção em tempo real contra links maliciosos compartilhados através de SMS, WhatsApp, Facebook Messenger e no navegador.

2 – Tenha cuidado ao clicar em links compartilhados no WhatsApp ou nas redes sociais. Nunca informe dados bancários em sites ou aplicativos dos quais desconhece a procedência.

3 – Não compartilhe links de procedência duvidosa. Na dúvida sobre se um link é de fato seguro, realize a checagem gratuita no site do dfndr lab.

4 – Evite utilizar redes Wi-Fi públicas ou sem senha para realizar transações financeiras

 

dfndr lab

golpe financeiro

PIX

segurança digital da PSafe

SMS

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | TENDÊNCIAS

Tecnologias imersivas ganham impulso nos negócios

Leia nessa edição sobre carreira

INDÚSTRIA 4.0

Fábrica conectada

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

SERVIÇOS

Trunfos dos menores

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

TENDÊNCIAS

A casa também foi para a Nuvem

Julho| 2021 | #48 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento