book_icon

Analista de dados: por que profissão está entre as mais requisitadas de 2021?

Atualmente, a demanda é de 70 mil profissionais por ano, mas 25 mil vagas não são preenchidas
Analista de dados: por que profissão está entre as mais requisitadas de 2021?

Por conta da aceleração dos processos de Transformação Digital nas empresas, causada pela pandemia do Covid-19, os profissionais que atuam com tecnologia foram ainda mais requisitados, já que tiveram que repensar e viabilizar boa parte do modelo de negócios das empresas. De acordo com a associação a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação e de Tecnologias Digitais (Brasscom), o mercado de tecnologia da informação deve criar 264 mil vagas em quatro anos. Atualmente, a demanda é de 70 mil profissionais por ano, mas 25 mil vagas não são preenchidas.

Segundo levantamento da PageGroupe, os profissionais que atuam com dados estão entre os mais relevantes de 2021, já que possuem um papel importante nas áreas de negócios das companhias ao extrair, armazenar e analisar todas as informações. Uma das profissões mais cobiçadas pelos brasileiros na área da tecnologia, o cargo de analista de dados desperta o interesse de diversos profissionais pelo crescente número de vagas disponíveis e a remuneração oferecida pelo mercado de trabalho – empresas pagam até R$ 17.250 mil de acordo com recente relatório da consultoria Robert Half.

“O ano de 2020 foi marcado pelo maior número de desempregados que o Brasil já teve. Ao mesmo tempo, apesar das dificuldades que a pandemia trouxe, algumas áreas se destacaram, como a de tecnologia e dados. As pessoas que têm oportunidade, estão procurando cursos para se especializarem rapidamente e seguirem um novo caminho profissional” explica Alexandre Tibechrani, General Manager Latam da Ironhack.

Bootcamps
Aproveitando esse cenário, a Ironhack – escola global especializada no ensino de tecnologia e programação com presença em oito países – anuncia a abertura das inscrições da próxima turma do curso de Data Analytics, na unidade de São Paulo. Com início programado para 31 de maio de 2021, o bootcamp é indicado tanto para os profissionais que almejam uma qualificação profissional como estudantes e recém-formados com a intenção de ingressar na indústria de análise de dados.

“O curso também é altamente recomendado para empreendedores que desejam se aprofundar nas mais novas tecnologias e práticas do setor e aproveitar o conhecimento para aplicar em suas empresas”, complementa o executivo.

Com carga horária de 360 horas e com duração de apenas nove semanas, o bootcamp é dividido em três módulos. No primeiro, o aluno aprenderá a filtrar dados, construir APIs, web scraping e as linguagens Git, MySQL e Python. No módulo seguinte, o foco será a condução de análises com Panda, utilização de dados para fins exploratórios e storytelling, além de estatísticas de inferência com uso de Python e Business Intelligence. Na última parte do curso, o estudante conhecerá os fundamentos de Machine Learning por meio do software Scikit-Learn para construir, avaliar e lançar modelos. Também terá noções básicas de algoritmos e construção de pipelines de Machine Learning.

No final do bootcamp, o estudante ainda conta com o auxílio da Ironhack para se inserir no mercado de trabalho. A escola organiza uma semana de carreiras (Career Week) para que as empresas possam entrevistar os alunos. De acordo com os últimos resultados publicados pela escola (em julho de 2020), 89% dos estudantes estavam empregados no prazo de 180 dias após a graduação.

A Ironhack é uma escola de tecnologia global de renome internacional, que oferece bootcamps e cursos imersivos em Desenvolvimento Web, UX/UI Design, Data Analytics e Cibersegurança. Com campus em Madrid, Barcelona, Miami, Paris, Cidade do México, Berlim, Amsterdam, São Paulo e Lisboa, a Ironhack ajudou mais de 8.000 estudantes a escrever as suas histórias de vida através da tecnologia. Hoje em dia, a Ironhack auxilia também algumas das melhores empresas do mundo a contratar, treinar e reter talentos de alta tecnologia, incluindo marcas como a Microsoft, Visa, Capgemini, Siemens e Santander.

Serviço
www.ironhack.com/br

Alexandre Tibechrani

analista de dados

Ironhack

Transformação Digital

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.