book_icon

EdTech tem ação para a continuidade de seus cursos

A Faculdade Descomplica passa a oferecer microcertificados para o nível de graduação, divididos por tema, como alternativa para evitar que os alunos tranquem a matrícula
EdTech tem ação para a continuidade de seus cursos

Para inovar no setor de educação, o Descomplica, primeira EdTech brasileira a ingressar no mercado de ensino superior, oferece microcertificados a seus alunos de graduação, a fim de diminuir o abandono dos cursos – que pode chegar a 40% no primeiro ano.
“O formato tradicional de graduação sugere que o aluno só se torna profissional ao se formar, quando na verdade, todos evoluem em suas carreiras ao longo do curso”, defende Daniel Pedrino, Presidente da Faculdade Descomplica. “Vemos muitos estudantes que trancam a graduação por sentirem que estão estagnados. A ideia de termos microcertificados é justamente para mostrar ao aluno o quanto ele está evoluindo a cada temática”.

O aluno pode optar por qual tema prefere começar a estudar e, ao finalizar, recebe um certificado de especialista contando quantos estudos de caso foram realizados sobre o assunto, que pode ser linkado diretamente em seu perfil do LinkedIn   

Lançada no início de 2020, a Faculdade Descomplica oferece quatro cursos durante o primeiro ano (Administração, Ciências Contábeis, Pedagogia, e Recursos Humanos), mas planeja aumentar a oferta para 25 cursos em 2021, focando em Engenharias, Tecnologia e Gestão.
Os cursos são divididos por temática, ao invés da separação tradicional por semestre. O aluno pode optar por qual tema prefere começar a estudar e, ao finalizar, recebe um certificado de especialista contando quantos estudos de caso foram realizados sobre o assunto, que pode ser linkado diretamente em seu perfil do LinkedIn.
Aprovada com nota máxima (5) pelo MEC em tempo recorde, a Faculdade Descomplica inova no mercado tradicional de educação e busca democratizar o acesso ao ensino superior, de forma acessível.
Fundado em 2011, o Descomplica tem a missão de democratizar o acesso à educação em todas as fases da vida. A startup, primeira EdTech brasileira a ingressar no ensino superior, oferece cursos online preparatórios para Enem e vestibulares, concursos públicos, reforço escolar, e mercado de regulados – graduação e pós-graduação. Alcançando 5 milhões de usuários por mês em todas as plataformas, o Descomplica possui 800 mil alunos anualmente em cursos preparatórios para o Enem e é responsável pela educação de 80% do público que se prepara para o Exame de forma online. Com o lançamento da Faculdade Descomplica em 2020, a EdTech vai investir R﹩ 55M no setup inicial durante os três primeiros anos de atuação da instituição, que atingiu nota máxima no MEC (5) – conquista que somente 6% das mais de 2500 instituições de ensino possuem.

Daniel Pedrino

EdTech brasileira

Faculdade Descomplica

microcertificados em cursos de graduação

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | TECNOLOGIA

5G impõe seu ritmo

Leia nessa edição sobre carreira

MERCADO

Brincadeira de gente grande

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

GESTÃO

Backup: a última linha de defesa

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

NEGÓCIOS

Terceirização de equipamentos

Maio 2022 | #57 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento