book_icon

Realidade Aumentada transforma performance em holograma

Tecnologia que promete mudar a indústria do entretenimento, leva performance virtual em 3D de cantora à casa de fãs
Realidade Aumentada transforma performance em holograma

Nesse período de isolamento tem muitas ‘lives’ rolando todos os dias. Mas que tal fazer algo diferente e colocar o artista na sua casa, cantar, dançar com ele e ainda fazer um vídeo de vocês na mesma coreografia?
Para as rádios e TVs também é uma maneira de chamar atenção do público que pode curtir a música e assistir o apresentador dançando com o artista. Isto já é possível gratuitamente e, entre as primeiras artistas no mundo a oferecer essa possibilidade, está uma cantora e compositora brasileira: Laura Rizzotto.
A performance virtual em 3D em foi realizada numa parceria com o Metastage, estúdio de captação volumétrica (3D) e holográfica, baseado na cidade de Los Angeles, Estados Unidos. A empresa escolheu Laura para lançar essa tecnologia que vai mudar a indústria do entretenimento, dando a oportunidade a artistas como ela, de engajar com seus fãs de uma forma muito mais íntima, via apresentações virtuais privadas.

Tem capacidade de realizar captações extremamente realistas e de alta qualidade, mas em arquivos leves, dando a possibilidade ao público de assistir a performances exclusivas e privadas em qualquer smartphone​ ou​ tablet Pullquote sample text

O app Metastage foi desenvolvido em parceria com artistas e engenheiros da Magnopus, uma empresa de conteúdo e tecnologia baseada em Los Angeles. É possível assistir à performance no celular ou tablet, gratuitamente, pelo Metastage em ​IOS​ ou ​Android.
O que torna essa tecnologia única é sua capacidade de realizar captações extremamente realistas e de alta qualidade, mas em arquivos leves, dando a possibilidade ao público de assistir a performances exclusivas e privadas em qualquer smartphone​ ou​ tablet. A sensação é de estar literalmente com o artista na sua casa, em uma rádio ou estúdio. Isto abre novas possibilidades para os artistas após a pandemia.
Graças ao aplicativo do Metastage, Laura Rizzotto apresenta seu novo single ​One More Night em Realidade Aumentada. A jovem artista percebeu o potencial da tecnologia após participar da Eurovisão, a maior competição de música do mundo, e conquistar fãs de vários continentes. “Assim, fãs da Islândia, por exemplo, podem assistir minha performance na sua casa.”, explica Laura. A iniciativa foi destaque junto ao público que se interessa pela tecnologia de Realidade Virtual.
“Essa tecnologia permite me conectar com meus fãs de uma forma totalmente nova. Não importa onde estão, eles podem vivenciar a performance da minha música como se estivessem no palco comigo, cantando junto,” explica a cantora . “Você pode assistir a apresentação de pertinho, ou até se juntar a mim e fazer parte do show! É uma maneira incrível de incluir o público nessa experiência musical não só como telespectadores, mas como participantes. E nesta época em que somos obrigados a ficar em casa por causa da Covid-19 é uma experiência única.”
A irmã da artista, Carolina Rizzotto, trabalha com grandes empresas da área de entretenimento de Los Angeles. Ela co-produziu a experiência do ​Metastage, filmou e dirigiu o ‘por trás das câmeras’, mostrando o passo a passo de como a performance virtual de Laura ganhou vida. Para tornar possível a captação com tamanha qualidade foram utilizadas 106 câmeras. O espaço físico é limitado e o artista não pode errar na coreografia e ocupação do ‘palco’, já que é tudo filmado em uma tomada só.
Carolina dá mais detalhes do resultado: “​Você pode escolher onde a Laura vai se apresentar, e até mesmo o seu tamanho. Você pode deixá-la duas vezes maior do que o tamanho normal e botá-la pra cantar na sua sala, ou até mesmo deixá-la do tamanho de uma formiga, em cima da sua mão. É fantástico!”
O aplicativo também inclui performance de outra música original de Laura chamada Funny Girl​, seu maior sucesso. Essa canção foi escolhida, num concurso com mais de 100 artistas para representar a Letônia na maior competição de música do mundo, a ​Eurovisão​, em 2018. Laura Rizzotto, que tem dupla nacionalidade, foi a primeira artista na história da Eurovisão a captar uma performance holográfica de sua música.
As irmãs também produziram um​ vídeo explicando como qualquer pessoa pode usar o aplicativo​ e estão à disposição para ajudar os artistas brasileiros interessados na tecnologia.
Quem é a artista?
Laura Rizzotto ​é carioca, iniciou a carreira profissional aos 15 anos e lançou seu primeiro álbum autoral chamado “Made in Rio” aos 17 anos de idade com a Universal Music Brasil. Poucos meses depois de seu álbum de estréia, Laura Rizzotto ganhou bolsa de estudos ainda aos 17 anos para estudar na ​Berklee College of Music, em Boston, Estados Unidos. Não resistiu à oportunidade de aprender mais e partiu para aquele país, onde se formou em ​CalArts, de Los Angeles.
Em função da mudança para os Estados Unidos decidiu seguir a rota independente e lançou seu segundo álbum Reason to Stay e, depois, o EP Ruby, quando se mudou para New York. A artista também ganhou bolsa para fazer o mestrado em música na​ Columbia University ​ em New York, sendo a aluna mais nova do curso, e se formando com apenas 22 anos.
Serviço
www.laurarizzotto.com.br

Holograma

Laura Rizzotto

Magnopus

Metastage

Realidade aumentada

Realidade Virtual

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento