Mercado

Investimentos do setor público em modernização impulsiona a IPM Sistemas

A empresa assinou 31 novos contratos nos primeiros meses de 2019 e hoje atende mais de 300 clientes no Sul e Sudeste do País

A popularização do conceito de smart cities e a preocupação crescente com eficiência na oferta de serviços aos cidadãos, que levam gestores públicos a buscar soluções que modernizem e simplifiquem o atendimento a demandas da comunidade, está dando impulso redobrado aos negócios da catarinense IPM Sistemas. Fundada em 1996, a empresa especializada em soluções digitais para a gestão pública conquistou 78 novos clientes apenas em 2018. A empresa assinou 31 novos contratos nos primeiros meses de 2019 e hoje atende mais de 300 clientes no Sul e Sudeste do País.

A IPM Sistemas, que hoje emprega mais de 300 colaboradores, ganha espaço graças a um diferencial tecnológico. Depois de oito anos de pesquisa e investimentos, a empresa focou no desenvolvimento e implementação de soluções 100% baseadas na nuvem (cloud computing). “É cada vez maior o investimento em computação em nuvem nas grandes empresas, em bancos, nas companhias aéreas e até no judiciário. Agora são os municípios que estão se atentando para essa mudança. A demanda por inovação no setor público só tem crescido, o que nos possibilitou crescer e atingir outras regiões do País”, diz o diretor-presidente, Aldo Luiz Mees. Com negócios concentrados no Sul, a empresa iniciou um plano de expansão para o Sudeste, com foco inicialmente nos estados de Minas Gerais e São Paulo.

A demanda por inovação no setor público só tem crescido, o que nos possibilitou crescer e atingir outras regiões do País

O crescimento é acompanhado por um projeto de formação de mão de obra – o Programa Jovens Talentos, destinado a capacitar estudantes que desejam trabalhar com tecnologia. Lançada em 2002, a iniciativa é pioneira na capacitação de profissionais de TI na região do Alto Vale do Itajaí e foi responsável pela capacitação de um quinto dos colaboradores da empresa.

O gerente de Recursos Humanos, Jeancarlo Borges explica que os candidatos são recrutados entre estudantes de diversas fases de cursos como sistemas de informação e engenharia de software e após um período de três meses de estudos no Centro de Capacitação da companhia, passam a integrar a equipe de desenvolvimento. “Tenho convicção que o programa Jovens Talentos foi muito importante para a IPM chegar onde chegou”, diz Aldo Mees, diretor-presidente da empresa. Segundo ele, a estratégia deu tão certo que a IPM está criando o mesmo programa para atendimento, visando à formação de mão de obra nas áreas administrativa, tributária e contábil.

O uso da tecnologia em nuvem também é responsável por garantir praticidade a diversos processos e maior agilidade no serviço público. O Portal de Autoatendimento, por exemplo, desenvolvido pela IPM Sistemas, possibilita que o cidadão acesse o sistema de qualquer computador ou smartphone conectado à internet, em qualquer hora e em qualquer lugar. Por meio dele é possível emitir guia de IPTU, fazer a renovação de alvarás para empresas, solicitar corte de árvores, fazer a reserva de vagas em creches ou escolas, fazer o licenciamento para a construção civil, emitir guias para o recolhimento de tributos da administração municipal, entre outros procedimentos que antes só seria possível presencialmente.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos