Gestão

BrazilShip reduz em 70% seu custo de TI com o Arcserve UDP

Resultado da fusão em 1988 com a Scanbrasil, a BrazilShip é considerada hoje a empresa brasileira que atua na intermediação entre os proprietários de navios e os que alugam as embarcações para o transporte de carga

 Com mais de 30 anos de atuação nesse segmento, a BrazilShip foi a primeira companhia do segmento na região das Américas a receber a certificação ISO 9001.

Na BrazilShip, a área de TI dá suporte ao negócio através do fornecimento da infraestrutura e serviços necessários para a manutenção do negócio, garantindo a confiabilidade dos serviços, bem como a confidencialidade e integridade dos backups.

Hoje a empresa realiza backups diários, semanais e mensais, além de backups personalizados a cada três horas, com replicação do Standby VM e Cloud 

João Pessoa Junior, analista de Segurança da Informação da BrazilShip, lembra que a empresa já fazia os backups diários e semanais em fita. “Nesse antigo cenário, a velocidade de recuperação era em torno 100 MB por minuto, com um tempo de recuperação das aplicações e sistemas de até três dias, no caso de perda de alguma informação crítica”, informa o especialista, acrescentando que o longo tempo de downtime acabou por dar início a uma busca por uma solução mais rápida, por ser tratar de uma questão crítica.

A BrazilShip então foi ao mercado para encontrar uma solução capaz de garantir a alta disponibilidade das aplicações e após uma criteriosa análise das ofertas, envolvendo os pontos positivos e negativos de cada solução, acabando por optar pelo Arcserve UDP. “Buscamos uma solução que fizesse de forma rápida e eficiente backup e restauração tanto das máquinas virtuais como de arquivos e a proposta da Arcserve atendeu nossos objetivos”, detalha João Pessoa.

Os quatro servidores e o 1 Terabyte de dados da empresa estão protegidos pelo Arcserve UDP. Hoje a empresa realiza backups diários, semanais e mensais, além de backups personalizados a cada três horas, com replicação do Standby VM e Cloud. “Houve uma expressiva redução de custo, da ordem de aproximadamente 70%, tanto em termos de espaço em disco para armazenamento como em termos de pessoal dedicado ao gerenciamento da operação, com o tempo de backup sendo reduzido de horas para minutos e o tempo de restauração das informações de dias para horas, um incremento de desempenho notável”, explica Joao Pessoa.

A agilidade da operação também foi destacada pelo especialista: “Agora, por exemplo, as alterações em documentos dos usuários podem ser recuperadas com intervalos nas alterações a cada três horas por um período de 24 horas, resultando em um menor custo de hora/homem caso seja necessário refazer as mudanças”, acrescentando que a redução de risco após a adoção do Arcserve UDP foi estimada em 75% e a redução de downtime em 80%. “São números expressivos”, conclui João Pessoa.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório