Informe aqui

Diretoria que estará à frente da Assespro até 2020 assume em 19 de março

Principal entidade representativa do setor empresarial de tecnologia da informação e comunicação (TIC), a Federação das Empresas de Tecnologia da Informação (Assespro) empossa sua nova diretoria para o biênio 2019/2020 na próxima terça-feira, 19 de março, às 17h, no Auditório Freitas Nobre, no anexo IV da Câmara dos Deputados, em Brasília. O evento vai contar com a presença autoridades e de líderes políticos e empresariais de todo o País.

Criada em 1976, a Assespro acompanhou todas as transformações tecnológicas que o país sofreu ao longo destes mais de 40 anos e ocupa um lugar de destaque no cenário nacional. A entidade está presente em 15 estados e conta com mais de 1.500 associados, que vão desde startups até as grandes corporações internacionais e que impactam em mais de 100 mil postos de trabalho.

Tomam posse para a nova gestão os empresários Italo Nogueira, presidente, e os VPs Alcides Pires, Letícia Batistela, Luis Mário Luchetta, Robert Janssen, Sandro Moles e Victor Kochella. Durante o evento também assumirão oficialmente seus cargos todos os presidentes e diretores das regionais. Jean Paul Neumann (AL), Isamar Villas Boas Perrelli Maia (BA), Francisco Delano de C. Gadelha (CE), Christian Tadeu de S. Santos (DF), Ivan de Vargas Lopes Júnior (MG), Deybson de Santana Cipriano (GO), Marcos Távora Corrêa (MG),  Adriano Augusto Krzyuy (PR), Rodrigo Vasconcelos  (PE ), Maria Luiza Reis da Silva (RJ), Aline Lúcia Deparis (RS), Hugo Sérgio Dittrich (SC), Eduardo Alexandre Nistal (SP).

Após dois mandatos à frente da regional Assespro PE-PB e um período como diretor de startups da Nacional, Italo Nogueira, aos 43 anos, é o mais jovem presidente a assumir a Federação. Nogueira e sua diretoria traçam planos ousados para a nova gestão. Querem dar visibilidade à entidade, aumentando seu protagonismo na defesa dos interesses do setor de TIC, e aproximar-se das startups para gerar ambiente de negócios mais favorável (inclusive visando ao mercado internacional).

“Temos que mostrar aos outros ramos de negócios que investir em tecnologia é o caminho mais seguro para o êxito de suas empresas. O agronegócio, com tecnologia, produz mais. A construção civil, idem. E assim por diante. O trabalho de advocacy que realizamos é este, o de lutar por um melhor ambiente de negócio para todos, diz Italo Nogueira.

Além do evento de posse da nacional e regionais, os empresários de TIC, vindos de todo o País, estarão reunidos para o Encontro Nacional dos Executivos da Assespro, a reunião do Conselho de Administração da Federação Assespro com participação da cúpula das Regionais e também com Rodadas de Negócios entre empresas maduras e startups.

Hoje, o Brasil conta com cerca de 70 mil empresas de TIC que geram mais de 1,2 milhão de postos de trabalho. Mesmo nos tempos de crise, o setor apresentou um crescimento considerável frente a outras atividades. A expectativa é de que, nos próximos dez anos, o mercado nacional de TIC alcance a marca de U$220 bilhões de dólares, que pode corresponder a 6,5% do PIB.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório