Mercado

Triad Systems anuncia crescimento de 25% em 2018

Projetos de Big Data, Inteligência de Dados, Analytics, BPO e automação industrial foram os que mais colaboraram para o aumento da receita

A Triad Systems, empresa de TI, integradora e fábrica de software, apresentou crescimento de 25,5% no faturamento em 2018, dando continuidade à expansão dos negócios de 13% em 2017. O ano foi de consolidação da i9TRIAD, unidade de negócios inovadores, que desenvolve projetos de Big Data, Analytics e inteligência de dados.

A empresa também ampliou sua atuação na área de Wholesale da TIM, onde atua com BPO – Business Process Outsourcing, na digitalização dos processos e rotinas das cadeias de serviços, resultando em mais agilidade nas tomadas de decisão, além de análises mais amplas e assertivas para a operadora.

A companhia também investiu em projetos de reconhecimento facial para controle de acesso a prédios e condomínios. Para o setor de RH, a empresa desenvolveu um sistema de treinamento utilizando a realidade aumentada e a realidade virtual, com gamificação 

No setor industrial, a Triad Systems participou da automação do chão de fábrica do Grupo Simões, fábrica da Coca-Cola e distribuidor dos produtos da Heineken Brasil, na região Norte. Assim como desenvolveu sistemas robóticos que auxiliam as indústrias na automação de seus processos tradicionais, acelerando o desenvolvimento da Indústria 4.0 no Brasil.

A companhia também investiu em projetos de reconhecimento facial para controle de acesso a prédios e condomínios. Para o setor de RH, a empresa desenvolveu um sistema de treinamento utilizando a realidade aumentada e a realidade virtual, com gamificação. E para o setor automotivo, especificamente para o polo de duas rodas, a Triad Systems desenvolveu um sistema de inspeção e validação de chassi com visão computacional.

“Foi um ano de muitos desafios, com projetos estratégicos, utilizando tecnologias inovadoras”, destaca Silvio Rodrigues, CEO da Triad Systems. “Em 2019 temos planos de atuar fortemente em projetos de Indústria 4.0, integrando sistemas MES, Manufacturing Execution System, a sistemas legados e soluções 3D. E, além disso, fomentar a monetização de produtos e serviços com inteligência de dados e Geoanalytics”, finaliza Rodrigues.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório