book_icon

Empresa lança bot de defesa do consumidor no Facebook

Com inteligência artificial, o batizado robô Haroldo é especialista em direito do consumidor e atende via Facebook Messenger
Empresa lança bot de defesa do consumidor no Facebook

Quem nunca se sentiu lesado por determinada corporação, mas não foi atrás de seus direitos porque não teve tempo, recursos, nem sabia como fazer isso ou simplesmente o valor a ser obtido não valia a pena? A solução para casos assim tornou-se facilitada pelo uso da inteligência artificial. O recém-nascido robô Haroldo, especialista em direito do consumidor, em seu perfil no Facebook está pronto para atender as demandas de consumidores e, inclusive, apresenta causas comuns a vários consumidores, uma tendência no mercado brasileiro.

“Nós permitimos que os clientes busquem reparação de danos sem custo ou perda de tempo, apenas por um bate-papo de Facebook. Eles não precisam pagar nada adiantado, nem fazer nada durante o processo”, Arthur Farache

Além de milhares de consumidores todos os anos deixarem de acessar à Justiça para buscar seus direitos, o Poder Judiciário atualmente conta com cerca de 18.000 magistrados, que são responsáveis atualmente pelo processamento e julgamento de 109 milhões de processos, ou mais de 6 mil processos para cada juiz. Por este motivo, torna-se economicamente inviável o processamento e julgamento por juízos distintos de milhares de ações individuais para analisar a ilegalidade da cobrança de uma tarifa telefônica, por exemplo.

“O Haroldo é um robô que ajuda as pessoas a recuperarem danos causados por empresas e identifica causas comuns, o que acaba por reunir pessoas que têm queixas contra uma mesma organização. É uma alternativa privada para solução de conflitos que envolvem milhares de consumidores lesados”, afirma Arthur Farache, diretor da Hurst, empresa responsável pela criação do Bot.

O processo é simples. O consumidor conta sua história conversando por mensagens ao Haroldo ou escolhe uma das causas pré-programadas para aderir. Estes últimos são casos que têm boas chances de sucesso, por afetarem muitas pessoas e empresas. “Escolhemos aquelas causas em que as pessoas muitas vezes deixaram seus direitos para trás, porque os custos de transação e o tempo não valem para a compensação final individual”, conta.

Os consumidores apenas aceitam os termos de uso que transferem o direito à indenização. Tudo é assinado eletronicamente, sem papel. A partir daí, a equipe da Hurst assume todo o processo, desde a contratação de advogados e presença em audiências a todos os seus custos.

“Nós permitimos que os clientes busquem reparação de danos sem custo ou perda de tempo, apenas por um bate-papo de Facebook. Eles não precisam pagar nada adiantado, nem fazer nada durante o processo. A Hurst assume todos os custos, contrata os advogados e executa tudo o que for necessário. No final, o consumidor recebe seu ressarcimento atualizado, pagando apenas uma taxa de 30%”, ressalta.

Os casos que atingem muitas pessoas são selecionados via robôs de pesquisa (crawlers) que vasculham Diários de Justiça e site de Tribunais, utilizando técnicas de inteligência artificial (kmeans e lógica fuzzy), e identificam processos que possuam potencial de bons retornos. “A Hurst é a solução privada para o acesso à Justiça. É como se fosse um PROCON, só que particular, com pessoas especializadas e experientes”, complementa.

Hurst

IA

Justiça

Procon

robô

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | PRÊMIO A ESCOLHA DO LEITOR

As indicações do usuário

Leia nessa edição sobre carreira

CÓDIGO ABERTO

Kubernetes rumo à Nuvem

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

LEGISLAÇÃO

Importações desafiam as empresas

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

COMUNICAÇÕES

5G: Será que agora vai?

Outubro | 2021 | #51 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento