Gestão

Mobile representa mais de 70% do tempo online do brasileiro

Estratégias personalizadas para dispositivos móveis permitem que empresas apostem nesse crescimento para fidelizar clientes e aumentar vendas

Os dispositivos móveis representam 73% do tempo online dos brasileiros, o que coloca o País no segundo em relação aos minutos gastos no celular por pessoa. Em média, são 4489 minutos. Os dados obtidos pelo estudo The Global Mobile Report, realizado pela comScore, apontam o crescimento do uso desses aparelhos no País e mostram que, para as empresas, estar no mobile não é mais uma opção.

Mobile marketing pode ser usado como uma estratégia para vender e fidelizar clientes de forma muito mais prática e com custo operacional baixo

“Para atingir de forma certeira seus públicos-alvo e atingir mais sucesso em suas ações de marketing, as empresas precisam atuar onde os seus clientes estão, que é no mobile”, explica Alessandro Ribas, CEO da Louyt, empresa espanhola que disponibiliza soluções em mobile marketing para mais de 24 países.

Até então, para uma comunicação eficaz das marcas pelo celular, as empresas precisavam contratar programadores, designers e redatores, ou adaptar campanhas de outros meios para o celular – ações com alto investimento e baixa conversão.

Atualmente, no entanto, já existem ferramentas mais acessíveis que permitem que as empresas, independentemente de seus tamanhos, invistam em ações mobile para fidelizar clientes e impulsionar vendas.

Mobile Marketing

O mobile marketing pode ser usado por diversos nichos como uma estratégia para vender e fidelizar clientes de forma muito mais prática e com custo operacional baixo. A Louyt, por exemplo, oferece uma plataforma para a criação de conteúdos 100% mobile, distribuição em diferentes canais e mensuração de campanhas em tempo real.

É possível criar, por exemplo, landing pages personalizadas, que podem ser usadas para realizar pesquisas de satisfação, formulários e cupons promocionais. Além disso, a plataforma também oferece o desenvolvimento de ações de storytelling, em que o cliente pode virar as páginas da história contada como se fossem de um livro. A estratégia é bastante utilizada para conectar e envolver o cliente com a marca. Toda sua interface é pensada para o engajamento pelo smartphone – de SMS, e-mail a redes sociais – considerando o tamanho da tela, tempo de exposição à campanha e o local dos clientes.

Segundo a Louyt, com o investimento em ações mobile, as empresas costumam ter, em média, um retorno de 20 a 30% nas vendas. Em alguns casos de ofertas e ações promocionais, os números podem chegar a 50%.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório