book_icon

Fortinet prepara centro de suporte no Brasil

Abertura deve ocorrer entre o fim de 2018 e o início de 2019
Fortinet prepara centro de suporte no Brasil

A Fortinet vai abrir um centro de suporte no Brasil. Atualmente, a empresa conta com dois centros, um no México e outro na Flórida (EUA), que atendem à região da América Latina (AL) e Caribe. Em entrevista durante o Accelerate 18, evento da empresa de segurança que ocorreu nessa semana em Las Vegas, Martin Hoz, vice-presidente de vendas e suporte para América Latina e Caribe, afirmou que a abertura deve ocorrer entre o fim de 2018 e o início de 2019.

“A América Latina é uma prioridade para a Fortinet. E isto se traduz em investimentos na região, como os centros de suporte”, Martin Hoz

Hoz não revelou quantas pessoas devem ser contratadas. No México, a Fortinet tem 50 funcionários no centro de suporte e conta com 20 colaboradores na Flórida. “A América Latina é uma prioridade para a Fortinet. E isto se traduz em investimentos na região, como os centros de suporte”, disse o VP.

Frederico Tostes, presidente para Brasil da Fortinet, revelou que, diferente de outras empresas nas quais o porcentual que a América Latina representa no faturamento global é de cerca de 3% a 5%, na Fortinet o porcentual no faturamento chega a dois dígitos. “O Brasil tem importância muito grande. Em 2017, foi o [país da América Latina] que mais cresceu, foi na casa dos dois dígitos altos”, disse.

Perguntado sobre o que impulsionou o crescimento, Tostes explicou que é fruto de um trabalho e de investimentos ocorridos nos últimos cinco anos. Como exemplo, citou o aumento da equipe local, que passou de sete pessoas em 2002 para cerca de 60 em 2016, número que se mantém.

A expectativa para 2018 é seguir crescendo. “A equipe está bem madura. Pretendemos crescer acima do solicitado”, disse Tostes, sem abrir qual é a meta estipulada. “Em 2017, tivemos um ano muito bom, crescendo acima da média da empresa. Lançamos no ano passado o conceito de security fabric e passamos a entrar em um mercado onde não estávamos, expandindo o mercado de forma boa”, contou.

“Esperamos que possamos repetir”, disse, lembrando que anos de eleição costumam ser mais difíceis. A vertical de governo representa cerca de 30% do faturamento da Fortinet no Brasil. Outros mercados importantes para a companhia são telecomunicações, financeiro, varejo, educação e saúde.

Todas as vendas da Fortinet são por meio de canais. No Brasil, a empresa conta com cerca de 400 parceiros, que estão divididos em três grandes grupos: as empresas globais que vendem soluções da Fortinet, como IBM, HP, Logicalis e Dimension Data; os canais com vendas mais consultivas, cerca de 60 empresas; e uns 300 canais que focam nas vendas para as pequenas e médias empresas.

*A jornalista viajou a Las Vegas a convite da Fortinet

Canal de distribuição

Centro de Suporte

Fortinet

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.