Tendências

Google abre Centro de Inteligência Artificial na China

Apesar de continuar bloqueado no país asiático, o Google AI China Center tem como objetivo atrair os talentos locais

O Google acaba de anunciar o lançamento de um Centro de Inteligência Artificial (IA) na China, o primeiro da Ásia. Embora tenha regras rígidas e restritivas para empresas estrangeiras, autoridades chinesas têm demonstrado forte apoio à pesquisa e ao desenvolvimento de IA no país. Em comunicado, o Google afirmou que incluirá uma pequena equipe operando fora de atual escritório na empresa em Pequim.

O Google AI China Center trabalhará em conjunto com outros grupos de pesquisa de IA que o Google possui ao redor do mundo, incluindo Nova Iorque, Toronto, Londres e Suíça

Apesar do mecanismo de busca da empresa norte-americana continuar bloqueado no país asiático, o centro de pesquisa de inteligência artificial na China tem como objetivo atrair os talentos locais.

O Google AI China Center trabalhará em conjunto com outros grupos de pesquisa de IA que o Google possui ao redor do mundo, incluindo Nova Iorque, Toronto, Londres e Suíça, contribuindo para um mesmo objetivo: o de encontrar maneiras de fazer a tecnologia funcionar melhor para todos.

O mecanismo de buscas do Google está proibido no mercado chinês, assim como sua loja de aplicativos, email e serviços de armazenagem em nuvem. Os reguladores cibernéticos da China dizem que as restrições à imprensa e plataformas de Internet estrangeiras são projetadas para bloquear influências que infringem a estabilidade e as ideias socialistas.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.