book_icon

FICO traz Guilherme Chaddad para desenvolver mercado de processadoras na AL

Executivo construiu sua carreira na área de TI de empresas como CA Technologies, Kaseya, EDS e DTS
FICO traz Guilherme Chaddad para desenvolver mercado de processadoras na AL

A FICO, empresa provedora de software analítico para a tomada de decisões, anuncia a contratação de Guilherme Chaddad como Head of Processors for Latin America & Caribbean. De acordo com Alexandre Graff, VP and General Manager da FICO na América Latina, o novo executivo tem como missão desenvolver o mercado de processadoras de cartões na região.

“Sempre admirei o trabalho desenvolvido pela FICO, a forma como a inteligência analítica é utilizada para tomar as mais diversas decisões de negócio”, Guilherme Chaddad

“Esse é um mercado muito importante para nós, pois podemos aplicar todo o know-how global da FICO e contribuir com a evolução do setor na região. Tenho certeza de que os 18 anos de experiência do Chaddad irão agregar muito ao nosso time”, ressaltou Graff.

O executivo desenvolveu sua carreira na área de TI em empresas como CA Technologies, Kaseya, EDS e DTS. Graduado em Ciência da Computação, Chaddad ampliou sua área de atuação com um MBA em Administração na Fundação Getúlio Vargas e um curso de Inovação e Novos Produtos na Kellogg School of Management.

“Sempre admirei o trabalho desenvolvido pela FICO, a forma como a inteligência analítica é utilizada para tomar as mais diversas decisões de negócio. Fazer parte deste time é, sem dúvida, o maior desafio da minha carreira. Estou animado para ampliar a atuação da FICO junto às processadoras e contribuir com o crescimento da empresa em toda a América Latina”, contou Chaddad.

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.