Artigos

Disrupção: como a TI pode permitir a inovação

A Tecnologia da Informação tornou-se facilitadora de crescimento, mudança e disrupção para empresas de todos os tamanhos, que hoje buscam soluções que vão além das funções essenciais do negócio, como ERP e folha de pagamento, e podem ser aplicadas em marketing, vendas e operações. À medida que a área de tecnologia nas organizações muda para atender às novas exigências e responder rapidamente às prioridades e condições de mercado, a infraestrutura de TI assume o papel de espinha dorsal para permitir a inovação e a competitividade.

Sabemos também que a disrupção está por trás das mudanças no mundo empresarial, na forma como consumimos produtos e serviços e no sucesso de empresas. Netflix, Google, Facebook foram pioneiras ao trabalhar em nuvem com uma a abordagem arquitetônica transformadora da infraestrutura de TI, a chamada web-scale IT, que suporta a entrega mais rápida e oportuna. Apesar da composição diferente destas organizações, as empresas podem aprender a partir da forma como algumas das maiores e mais bem sucedidas empresas no mundo compram, implantam e operam suas infraestruturas de TI.

A web-scale permitiu que empresas da internet e provedores de nuvem alcançassem níveis sem precedentes de agilidade, escala e eficiência operacional. Um equívoco comum entre os gerentes de data center da empresa é pensar que a web em grande escala é útil apenas para empresas que estão lidando com grandes problemas ou que podem investir grande volume de dinheiro.

As restrições orçamentárias, a necessidade de minimizar ineficiências e a crescente demanda por agilidade de negócios são inerentes às empresas de todos os tamanhos. Por exemplo, o tradicional storage scale-up exige que as empresas prevejam com antecedência as necessidades de armazenamento e, em seguida, comprem infraestrutura de tamanho apropriado. E as pequenas empresas que estão vendo seu rápido crescimento estão encontrando dificuldades em prever o crescimento e pagar pela infraestrutura que não vão usar por vários meses.

Um exemplo é do tradicional colégio Dante Alighieri de São Paulo, fundado em 1911, que para atender os quase 5.000 alunos com tecnologia de vanguarda e inovação renovou a sua estrutura de servidores e storage. Dentre os equipamentos utilizados que necessitam de uma infraestrutura robusta estão os tablets como parte do material didático, lousas digitais, laboratórios de computadores, catracas de acesso ao campus, serviço de web para pais, professores e alunos, banco de dados, ERP, infraestrutura das áreas administrativas e operacional, entre outros.

Para acompanhar as crescentes cargas de trabalho, o colégio atualizou seu parque, substituindo três servidores por um servidor com três nós de processamento e storage, 25 Terabyte de armazenamento, três vezes mais potente que a plataforma anterior, e tecnologia hiperconvergente para atender toda a demanda tecnológica de maneira mais rápida. Com a mudança, o colégio observou dinamismo e agilidade em seus processos, além da redução do espaço físico do data center de 12U para 2U, uma diminuição no consumo de energia e dos custos.

Mesmo que o colégio Dante Alighiere apresente cargas de trabalho crescentes, a arquitetura scale-out permite rever a necessidade e expandir os servidores pagando à medida que crescem. Com isso, tanto o colégio quanto todas as empresas com demandas crescentes podem comprar infraestrutura apenas quando precisam, em vez de comprometer capital. As tecnologias de web em grande escala não se limitam a lidar com petabytes de armazenamento e milhares de servidores – elas são úteis para o dimensionamento na demanda em qualquer escala.

Além da escalabilidade, os profissionais de TI também têm compartilhado preocupações sobre ter que aprender habilidades adicionais para implantar, gerenciar e manter novos sistemas de infraestrutura. Embora isso possa ter sido verdade há alguns anos, as soluções turnkey estão trazendo os benefícios da infraestrutura web-scale para as empresas sem exigir que elas aprendam novas habilidades ou tenham que reformular seus ambientes.

De grandes bancos a governos locais, varejistas, fabricantes e escolas, empresas de todos os tamanhos estão integrando as tecnologias de web-scale em seus centros de dados usando soluções turnkey e permitindo que várias aplicações sejam executadas em um ambiente virtualizado. Atualmente, além do colégio Dante Alighieri, o Amazonas é um exemplo de estado que está investindo na tecnologia hiperconvergente, tendo a Prefeitura de Manaus e o Supremo Tribunal de Justiça adquirido plataformas que suportam escalabilidade e capacidade de processamento maior.

Essa tendência reflete o que está acontecendo no mundo do Big Data. Há alguns anos, as empresas construíram sua diferenciação competitiva em torno da capacidade de armazenar e analisar enormes quantidades de dados implantados. Agora, estamos começando a ver soluções de turnkey analytics e business intelligence que usam tecnologias da web-scale para fornecer insights aos clientes sem exigir muito em troca.

As empresas de internet e as grandes corporações não só demonstraram os benefícios das arquiteturas e tecnologias web-scale nos últimos anos, como também abriram o caminho para que empresas de todos os tamanhos se beneficiassem. E as soluções de infraestrutura turnkey estão tornando mais simples para as empresas, sem que elas tenham que rever os ambientes de TI ou aprender novas habilidades.

Numa economia moderna, a infraestrutura de TI das empresas pode ser utilizada como fonte de diferenciação competitiva, proporcionando uma estrutura dinâmica e ágil para orientar a empresa na direção certa. É o que esperamos.

Leonel Oliveira é gerente geral da Nutanix do Brasil

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.