Tendências

Siemens investe em fábrica do futuro no México

Transformação para indústria 4.0 será impulsionada pela adoção do sistema SCADA, que moderniza processos industriais

A Siemens vai promover a modernização do setor industrial no México para fomentar a transição para fábricas inteligentes. Em comunicado, a multinacional afirmou que o México transita para a chamada Indústria 4.0, conhecida como a indústria inteligente ou o futuro, que trabalha com uma nova maneira de entender os meios de produção. A transformação será impulsionada pela adoção do sistema SCADA, que melhora processos industriais com vistas a competitividade, redução de custos e maior produção.

A indústria 4.0 é um conceito que começou a ser implantado a partir de 2013, e que foi originado a partir de um projeto do governo da Alemanha voltado para novas estratégias que aliam tecnologia e meios de produção. Nesta nova concepção as fábricas que conectam máquinas e sistemas tem capacidade e autonomia para agendar manutenções, prever falhas em processos e se adaptar a mudanças inesperadas que ocorrem nas etapas de produção.

Entre as características estão controle da interface Homem-Máquina, padrões abertos, escalabilidade, IoT e cibersegurança

Os sistemas SCADA, da Siemens, permitem uma série de processos tecnológicos e visualizar, gerenciar e monitorar sequências de fabricação de máquinas e equipamentos para todos os tipos de indústria. A solução varia de sistemas simples para sistemas diversificados e complexos, tais os usados na indústria automotiva. Além disso, também fornecem plataforma para o intercâmbio de informações para a integração vertical no nível corporativo.

Segundo a Siemens, o sistema WinCC SCADA é o mais avançado hoje e oferece várias funcionalidades que suportam a adoção da impressão digital e, assim, melhorar a produção com benefícios tangíveis em termos de competitividade. Entre as características estão controle da interface Homem-Máquina, padrões abertos, escalabilidade, IoT e cibersegurança.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.